Nossos Procedimentos



Assine a Newsletter!



* Campos obrigatórios

Reconstrução de Mama



Reconstrução de MamaAlgumas mulheres que desenvolveram câncer de mama são submetidas a uma cirurgia de retirada total (mastectomia) ou parcial da mama. Outras nascem com um tipo de síndrome que impede o desenvolvimento da mama, em que um seio é normal e o outro tem o tamanho muito inferior.

Esta deformação obviamente atinge a autoestima das mulheres, acarretando também muitos problemas físicos e psicológicos. Com a reconstrução de mama é possível reconstruir sua forma, devolvendo à mulher a confiança com o próprio corpo, dando mais liberdade na escolha de roupas e dispensando o uso de prótese externa de mama. As técnicas dependem do estado clínico, do tipo físico, da extensão da cirurgia de retirada do tumor e do tipo de tratamento que a paciente está recebendo.

Etapas da reconstrução de mama

Etapas da reconstrução de mamaPara pacientes que sofreram retirada total da mama, são necessárias 3 cirurgias de reconstrução de mama. A primeira ocorre logo após a sua retirada, ou após o período de cicatrização. Esta etapa tem como objetivo proporcionar um volume na região utilizando prótese de silicone, tecidos da própria paciente ou a combinação das duas técnicas.

Após o primeiro procedimento, é necessário aguardar cerca de três meses antes de partir para a próxima etapa, que é a simetrização das mamas. É normal que o novo seio mude de forma e posição devido ao processo de cicatrização. Por isso, o objetivo nesta etapa é fazer com que as duas mamas fiquem semelhantes no volume e formato, de modo a conseguir um efeito harmônico. Normalmente é realizada a mamoplastia no lado não afetado.

A última etapa do procedimento de reconstrução de mama é a reconstrução do mamilo e da aréola, que é feita com tecidos da própria mama reconstruída ou com enxerto de tecidos de outros locais. A aréola pode ser confeccionada com enxerto de pele ou com tatuagem.